A Clínica

A Gastro Obeso Center – Centro Avançado de Gastroenterologia e Cirurgia da Obesidade, é uma instituição dedicada ao tratamento da obesidade e das doenças do aparelho digestivo. Fundada em 2002 pelo Drs. Almino Cardoso Ramos, Diretor Geral e pela Dra. Manoela Galvão Ramos, Diretora Administrativo-Financeira, dedica-se ao tratamento avançado da obesidade mórbida através de operações video-laparoscópicas. Já em outubro de 2005 o Centro atingiu a marca de 5 mil pacientes operados, desde 1999, quando Dr. Almino iniciou sua experiência em cirurgia bariátrica.

Hoje em dia, a Gastro Obeso Center é considerada como centro de referencia e excelência no Brasil e América Latina em termos de tratamento cirúrgico da obesidade, sendo procurado por pacientes não só de São Paulo como de outros estados, da América Latina, dos Estados Unidos, África e Europa.

A filosofia de atendimento privilegia a humanização, entendendo ser a obesidade uma doença de origem multifatorial, onde a cirurgia é parte e não o todo com relação ao seu tratamento. Desse modo, foi estabelecido um programa que, antes de ser assistencial, é educativo para os pacientes com relação às suas patologias e quais são as possibilidades de tratamento. Nesse sentido, criamos e mantemos integrada uma equipe multidisciplinar especificamente treinada e que atende diariamente no centro com conceitos de T.P.C. – “Total Patient Care” (Cuidados Totais aos Pacientes);  composta por cirurgiões, endocrinologistas, nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas, endoscopistas, cirurgiões plásticos e  terapeutas corporais. Esses profissionais dedicam-se com empenho no tratamento e pesquisa da obesidade com destacada atuação na área assistencial e  científica.

O centro funciona em consultórios próprios preparados no design “Bariátrico” de modo a atender confortável e funcionalmente os pacientes com necessidades específicas como os portadores de obesidade mórbida, os quais requerem soluções específicas nos detalhes de atendimento, acomodação e equipamentos. Nos 350m2 de um moderno centro médico situado em localização privilegiada na cidade de São Paulo, no Edifício São Paulo Center, Rua Barata Ribeiro, 237 (lateral ao Hospital Sírio-Libanês) com acesso facilitado por carro (estacionamento no local com manobrista), ônibus (1-2 quadras dos pontos da Av. 9 de Julho) e metrô (10min de caminhada da estação Trianon-MASP). Foi planejado para ser um centro de referência no tratamento cirúrgico e multidisciplinar da obesidade.

News

Receita de sopa de agrião

- INGREDIENTES
• 3 Maços de agrião;
• 2 Batatas picadas;
• 1 Cebola picada;
• 3 Dentes de alho amassados;
• 1 1/2 l de água;
• Azeite a gosto;
• Sal a gosto;
• Pimenta do reino a gosto;
• Cheiro verde a gosto.

- MODO DE PREPARO
Lave bem os vegetais e pique em pedaços. Leve os ingredientes à panela de pressão com água, tampe e deixe cozinhar por 40 minutos. Leve para o liquidificador e bata tudo com sal e pimenta do reino. Volte a sopa para a panela, adicione o cheiro verde, acerte o sal e regue com azeite. Desligue e sirva em seguida.
Leia mais

Meia hora de exercícios físicos diminui riscos à saúde, diz estudo

Um estudo publicado no Jornal do Colégio Americano de Cardiologia indica que, com apenas de 20 a 40 minutos por dia de alguma atividade física, é possível eliminar a maioria dos riscos de saúde relacionados a ficar muito tempo sentado na mesma posição. Um estudo anterior dizia que o tempo necessário era de uma hora.

O impacto que ações como andar, correr e se exercitar têm na saúde do corpo humano são diferentes em cada caso: ficar em pé durante muito tempo pode resultar em dores na parte inferior das costas, e até aumentar o risco para doenças cardiovasculares. No entanto, permanecer sentado por tempo demais pode prejudicar a saúde.

Um exemplo de pessoas que alcançam o nível básico de atividade física recomendada – mesmo permanecendo sentadas pela maior parte do dia – são os indivíduos que possuem um trabalho de escritório e andam cerca de 20 minutos para ir e voltar, além de correr cerca de três vezes por semana.

O estudo contou com a participação cerca de 150 mil australianos de meia-idade e adultos beirando os 50 anos.

O que o estudo diz
Pessoas que não realizavam nenhum tipo de atividade física regular e permaneciam sentadas por mais de 8 horas por dia – a jornada de trabalho comum no Brasil – possuem cerca de duas vezes mais chances de falecerem por doenças ligadas ao coração do que pessoas que fazem pelo menos uma hora de atividade física por dia e ficam sentadas por, no máximo, 4 horas.

Porém, apenas permanecer menos tempo sentado não basta: pessoas que realizavam menos de 150 minutos (2 horas e 30 minutos) de atividade física por semana e sentavam cerca de 4 horas por dia ainda possuíam 44%-60% de chance de morrer por problemas cardiovasculares, em comparação ao grupo citado acima.

Ao trocar a ação de ficar uma hora sentado por esportes como natação, aeróbico e tênis, os benefícios são muito maiores: existe 64% de chance do risco de morte por doença cardiovascular e os problemas na saúde diminuírem.

Qual é a mensagem que o estudo quer passar?
O estudo apoia a ideia de que sentar e se exercitar representam os equilíbrio da saúde. Para aqueles que sentam durante bastante tempo, o ideal é buscar meios de reduzir a frequência e também procurar alterar o estilo de vida para algum com oportunidades mais saudáveis e que inclua algum tipo de exercício físico.

No entanto, nem todo mundo vive em um ambiente onde exista a possibilidade de criar meios de ser saudável, especialmente por falta de tempo. Não existem remédios que curem falta de tempo ou de motivação. Portanto, o mais recomendado para essas pessoas é incorporarem pequenos exercícios no meio de sua rotina, como: ir trabalhar de bicicleta, se acostumar a andar rápido ou utilizar escadas ao invés de elevadores.

(Fonte: Exame) 
Leia mais
Ver todas

Calcule seu IMC

Digite o seu peso e a sua altura no formulário abaixo para calcular o seu IMC.
Resultado
Calcular

Vídeos

Veja mais

Fale Conosco

R. Barata Ribeiro, 237 - conj. 101/102 - Bela Vista, São Paulo - SP, 01308-000, Brasil
Tel.: 11 3211-1200 / 11 3125-1222